Grupo no Telegram
Grupo no zap

Prefeitura prorroga medidas restritivas. Veja o que retorna a funcionar na próxima semana

Bares, lanchonetes, restaurantes, quiosques da orla e congêneres voltam a reabrir na sexta (9). Tomar banho na praia segue proibido

Por Portal Mais Méier em 02/04/2021 às 13:25:32
O prefeito Eduardo Paes anunciou alguns setores que voltam a funcionar a partir de segunda-feira (05/04) - Ricardo Cassiano/Prefeitura do Rio

O prefeito Eduardo Paes anunciou alguns setores que voltam a funcionar a partir de segunda-feira (05/04) - Ricardo Cassiano/Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio prorrogou as medidas restritivas até o dia 9 de abril, com a publicação de um decreto nesta sexta-feira (02). A 13ª edição do Boletim Epidemiológico da Covid-19 foi divulgada hoje, no Centro de Operações Rio, na Cidade Nova.

Ao longo da próxima semana, sob critérios de protocolo sanitário de prevenção à Covid-19, algumas atividades serão liberadas progressivamente:

– RETOMADA DAS ATIVIDADES

Segunda (dia 5) – Escolas.

Quarta (dia 7) – Administração Pública, das 8h às 17h.

Sexta (dia 9) – Bares, lanchonetes, restaurantes, quiosques da orla e congêneres poderão receber clientes sentados às mesas, até as 21h, com tolerância de 1h para efetivo encerramento do atendimento. Após esse horário, só sistema drive-thru e fica vedado atendimento presencial ou consumo no local.

Demais estabelecimentos e serviços seguem horários específicos.

Clubes sociais e esportivos, acesso a áreas de lazer e recreação – de 11h às 21h.

Museus, galerias, bibliotecas, cinemas, teatros, casas de festa, salas de apresentação, salas de concerto, salões de jogos, circos, recreação infantil, parques de diversões, temáticos e aquáticos, pistas de patinação, atividades de entretenimento, visitações turísticas, exposições de arte, aquários e jardim zoológico – das 12h às 21h.

Demais atividades de prestação de serviços – das 12h às 21h.

Demais atividades comerciais, das 10h às 18h.

Atividades no interior de shopping e centros comerciais deverão funcionar observando as restrições de horário.

– SEGUEM PROIBIDOS

Boates, danceterias, salões de dança e casas de espetáculo.

Atividades econômicas nas areias das praias, incluindo ambulantes.

Comércio exercido em feiras especiais, feiras de ambulantes, feiras de antiquários e feirartes.

Também continuam vetadas a permanência de pessoas nas vias, áreas e praças das 23h às 5h, e nas areias das praias, em parques e cachoeiras, em qualquer horário.

Prática de atividades físicas coletivas em praias e praças ou áreas particulares (permitida apenas a prática de atividades físicas individuais).

Realização de eventos, festas, rodas de samba, em áreas públicas e particulares; feiras (exceto as de produtos alimentícios), exposições, congressos e seminários.

Entrada de ônibus e demais veículos de fretamento no município.

Estacionamento de veículos automotores na orla marítima.

"Meu desejo é o de abrir a cidade inteira, bares, restaurantes e boates, ter praias cheias. Mas o que vale aqui não é meu desejo e, sim, preservar vidas. E, para preservar vidas, a gente precisa de dados científicos. As medidas restritivas, ao contrário do que apregoam alguns personagens, elas funcionam, têm resultado. Menos contato, menos transmissão", disse o prefeito Eduardo Paes, durante a apresentação do boletim.


Comunicar erro

Comentários